13 de abril de 2017 às 12:55

Reunião discute segurança no Bairro de George Oetterer

Na manhã de hoje, 12 de abril, os vereadores da Câmara Municipal de Iperó se reuniram no salão paroquial em George Oetter, para discutir estratégias e soluções para as invasões, depredações e casos de violência que acontecem nas escolas e por todo o bairro. Buscando escutar todas as partes interessadas participaram da reunião a Secretária de Educação Andréia Aparecida Arato Rocha Camargo, a Secretária de Planejamento e Desenvolvimento Joyce Helen Simão, o Vice-Prefeito Leonardo Folim, os representantes da Policia Militar e Guarda Municipal.
A Secretária de Educação expôs os problemas que estão acontecendo com grande frequência no bairro, disse que o executivo vem tentando fazer a manutenção das depredações e roubos, porém, esse trabalho não acompanha o número frequente de invasões que estão ocorrendo. Andréia colocou a importância de fazer ações junto à comunidade e os alunos para que esse problema possa ser resolvido.
Por parte da Polícia Militar foi colocado os projetos que a PM tem junto as escolas, que buscam junto a grade curricular trazer ações e atividades educativas para os alunos, porém, esse projetos precisam ser adequados com as disciplinas das escola. Entre os projetos citados que a PM executa nas escolas estão o PROERD – O Programa Educacional de Resistência às Drogas – e JCC – Jovens Construindo a Cidadania, que tem o objetivo de auxiliar na educação, cultura e lazer, nos aspectos relacionados à prevenção criminal juvenil, às drogas e à violência, na promoção da cidadania, destinados a colaborar na orientação, estudos, trabalhos e atividades diversas, abrangendo a área criminal e sua respectiva prevenção, no ambiente escolar e na comunidade, dentro da consciência democrática do povo brasileiro.
Andréia Camargo falou também sobre o cargo de Agente de Segurança Escolar que foram convocados e passaram por treinamento com a Guarda Municipal para atuar nas escolas mais necessitadas, a principio serão três agentes, e a proposta é aumentar esse número de acordo com os resultados obtidos. Esses agentes irão trabalhar nos períodos onde as escolas estão mais vulneráveis as invasões.
Para dar continuidade ao trabalho os vereadores continuaram averiguando as situações e as necessidades do bairro e assim buscar soluções para que a parceria entre o Legislativo e Executivo possam solucionar os problemas da população.

Fechar